SAMOTRACIAS, com direcção artística de Carolina Santos

O nome “Samotracias” remete para a deusa grega Nice de Samotrácia, cuja virtude é a da Vitória, e para a famosa estátua de mármore (hoje exposta no Museu do Louvre, em Paris), quebrada e incompleta.

É assim que a Mák na de Cena eaas encenadoras e actrizes Carolina Santos, Letícia Blanc e Ulima Ortiz lançam o mote para repensar a relação entre identidade de género, migrações, esperança e violência, comuns a três mulheres com o desejo mútuo de partir; relações que, tal como a estátua, estão corrompidas e fraturadas. Esta peça inclui testemunhos reais de migrantes na região do Algarve, local onde começa a sua digressão, que parte, posteriormente, para Lisboa.

“Samotracias” estreia a 21 de outubro, às 21h, no Cineteatro Louletano (Loulé), viaja a 23 de Outubro, pelas 17h00, para Auditório Carlos do Carmo (Lagoa), e nos dias 28 e 29 de Outubro, às 21h00, para o IPDJ (Faro), antes de rumar ao Teatro Ibérico, em Lisboa, nos dias 12 e 13 de outubro.

 

 

.o que fizemos

  • assessoria de imprensa
  • consultoria de comunicação